Estudantes propõem mudanças para a Prainha de Vila Velha

today26 de abril de 2019
remove_red_eye218

Um grupo de cinco estudantes de Arquitetura e Urbanismo foi o vencedor do Concurso de Ideias de Desenho Urbano para a Área da Prainha promovido pelo Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento do Espírito Santo (IAB-ES). Bruna Santos, Luana dos Santos, Natiele Dalbó, Patrícia Palhano e Wesley Milke apresentaram a proposta escolhida entre os trabalhos concorrentes na avaliação do júri ao sugerirem intervenções que promovem a qualidade de vida de moradores e visitantes da região, localizada em Vila Velha.

No projeto, denominado Canela Verde, os alunos trabalham a preservação do sítio histórico, a infraestrutura para o turismo religioso e o fomento da vitalidade urbana. Eles sugerem, por exemplo, que a rua Luíza Grinalda, que dá acesso ao Convento da Penha, seja transformada em rua compartilhada e tenha uso restrito de veículos. A ideia é favorecer a circulação de pedestres e ciclistas, incentivando as caminhadas e o comércio religioso. Nesse contexto, a arborização, a iluminação e o mobiliário da via garantem conforto ao usuário.

Já para subir o morro até o Convento, o grupo propõe substituir as vans por jardineiras. Dessa forma, seria possível transportar um maior número de pessoas a cada subida e, ao mesmo tempo, promover melhor contato visual dos visitantes com a mata.

Para facilitar o tráfego de carros em dias de chuva, o projeto prevê a instalação do piso intertravado, opção que reduziria os alagamentos na região. E ainda como parte da proposta, está a construção de um Núcleo de Apoio ao Turismo, com estacionamento para ônibus, banheiros e administração.

A locomoção de visitantes e moradores também é favorecida com a rede de ciclovias, que interliga Praia da Costa, Avenida Champagnat e Prainha, levando o ciclista até o aquaviário. O local é devidamente estruturado com um bicicletário, com o objetivo de incentivar o transporte intermodal.

Quem quiser conferir os projetos do concurso, eles ficam em exposição na Casa da Memória, na Prainha, até o dia 28 de abril. A visitação é gratuita, sempre de 9h às 17h.

Serviço
Exposição ‘Projetos de intervenção na Prainha’
Até dia 28 de abril – de 9h às 17h
Local: Casa da Memória, Prainha, Vila Velha
Entrada franca

Visão Geral
Restaurante, Memorial e Apoio
Deck frente da praia e quiosques
Aquaviário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*