Governador visita obras de dragagem do Rio Marinho

today23 de novembro de 2019
remove_red_eye462

O governador Renato Casagrande visitou, na manhã desta sábado (23), a comunidade de Nova América, em Vila Velha, onde acontece a limpeza do Rio Marinho. O local sofre constantemente com alagamentos. Casagrande também conversou com moradores da região da Grande Cobilândia e acompanhou as intervenções que estão sendo realizada na Ponte Governador Gerson Camata (Segunda Ponte).

Há três meses, o Governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES), vem realizando a limpeza do Rio Marinho e outros canais da região. Os serviços devem prosseguir pelos próximos três meses. Durante a visita, o governador destacou que as obras são emergenciais e fazem parte do grande investimento do Estado em macrodrenagem.

“É bom estar aqui para ver o momento em que está acontecendo. Estamos trabalhando nessa região há três meses e ficaremos outros três meses ou mais para fazer a limpeza do Rio Marinho, Campo Grande, Jardim de Alah e Maria Preta. Tem locais em que as máquinas não chegam, pois existem algumas casas que foram construídas quase dentro do rio e só conseguimos entrar com negociação. Mas os serviços de limpeza de rios e cais vão continuar, apesar de não ser essa a solução definitiva”, comentou.

Casagrande explicou que as intervenções de macrodrenagem servem para facilitar o escoamento da água das chuvas, mas não impedem eventuais alagamentos. No entanto, o projeto do Estado prevê ainda a instalação no próximo ano de bombas d’água para acelerar o processo. Após as instalações dos equipamentos, as intervenções prosseguem nos próximos quatro anos.

O governador também fez um alerta sobre a ocupação irregular das margens dos canais, que acaba impedindo o fluxo da água das chuvas e contribui para os alagamentos. “É um trabalho que envolve a Prefeitura e toda a comunidade. A largura do canal tem média de 12 metros de largura e por conta das ocupações tem locais com três metros de largura, diminuindo o fluxo da água. Para quem sofreu com as chuvas, a Defesa Civil está à disposição, fazendo o cadastro para que as pessoas possam receber colchões, kit de higiene, cesta básica e telhas de amianto”, disse Casagrande.

Também participaram da visita, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Cerqueira; o diretor-presidente do DER-ES, Luiz César Maretto Coura; o coordenador da Defesa Civil Estadual, coronel André Có Silva; além dos prefeitos de Vila Velha, Max Filho; e de Cariacica, Geraldo Luzia Júnior, o Juninho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*