Governo do Estado inaugura primeira obra de macrodrenagem em Vila Velha

today27 de março de 2022
remove_red_eye152

O Governo do Estado está investindo mais de R$ 580 milhões em macrodrenagem no Espírito Santo. No sábado (26), o governador Renato Casagrande inaugurou a Estação de Bombeamento de Águas Pluviais (EBAP) Foz do Costa, em Vila Velha. Com investimento de R$ 39 milhões, o equipamento terá capacidade de bombeamento de 20m³/s por meio de oito bombas, podendo ter a sua capacidade ampliada para até 25m³/s, auxiliando a drenagem das águas da bacia do Canal da Costa. Cerca de 140 mil habitantes serão beneficiados com o investimento.

“Vamos resolver os alagamentos de Vila Velha com investimento do Governo do Estado e com o suporte da Prefeitura, que está se comprometendo a fazer as bombas funcionarem e limpando os canais para a água fluir. É um problema crônico que existe desde quando Vasco Fernandes Coutinho chegou e, finalmente, vamos resolver”, afirmou o governador.

Casagrande prosseguiu: “A cidade mais antiga do Espírito Santo está recebendo outros importantes investimentos, como a ampliação da Terceira Ponte, construção da Ciclovia da Vida, a drenagem e pavimentação de várias ruas, a expansão da Rodovia ES-388 e a construção de viadutos na Darly Santos. Temos certeza que, quando fazemos investimentos públicos, atraímos investimentos privados, geramos oportunidades aos capixabas e ajudamos a desenvolver o nosso Estado.”

Serão contemplados os bairros da Praia da Costa, Itapoã, Coqueiral de Itaparica, Residencial Coqueiral, Cocal, Boa Vista I, Boa Vista II, Vista da Penha, Soteco, Cristóvão Colombo, Olaria, Divino Espírito Santo, Santa Mônica, Santa Mônica Popular, Praia de Itaparica, Jardim Guadalajara, Santa Inês, Jaburuna, Centro, Glória e Praia das Gaivotas.

A EBAP Foz do Costa trabalhará interligada ao sistema inteligente de macrodrenagem dos municípios de Vila Velha e Cariacica, através de um Centro de Operação remota que será constituído pelas: EBAP Laranja, EBAP Marinho, EBAP Cobilândia; EBAP Marilândia e EBAP Aribiri. Juntas, estas estações possuem capacidade de bombear 350 milhões de litros de água por hora, com lançamento para a baía de Vitória e para o Rio Jucu.

Além dessas estações, o sistema de macrodrenagem de Vila Velha contará com a construção de 3,3 km de galerias nos bairros Cobilândia, Nova Itaparica e Jockey e, também, de um dique no Canal Marinho que levará as águas do córrego Campo Grande, da Vala América, do bairro São Torquato e das EBAPs Cobilândia e Marilândia para a baía de Vitória, passando pela EBAP Marinho.

A EBAP Foz do Costa, assim como as EBAPs Marinho e Aribiri, possuem comportas de maré, que têm a função de controlar a entrada do mar nos canais em épocas de chuva.

Tecnologia EBAP’S:
– Integração ao centro de controle operacional na Avenida Dalry Santos, já implantado;
– Automação local com um Eletrocentro que permite seu acionamento automático, mesmo que perca a comunicação remota com o centro de operação;
– O acionamento pela leitura automática dos sensores de níveis d’água instalados nos canais e comportas;
– O sistema permite o acionamento e controle remoto pelo operador, inclusive pelo celular;
– Ocorrendo falta de energia, a Estação passa a operar automaticamente por geradores movidos à diesel.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*