Produto importado põe fim à poeira e lama em Retiro do Congo, Vila Velha

today19 de janeiro de 2022
remove_red_eye128

Direto do Canadá, o produto chamado Aditivo Permutador Iônico vai garantir o fim da poeira e da lama na principal avenida em que circula o transporte público de Retiro do Congo. De acordo com o secretário de Obras de Vila Velha, Edmo Pires, é a primeira vez que a tecnologia importada é utilizada em uma estrada da cidade. 

O teste iniciado na terça-feira (18) visa a compactação do solo no trecho de 4,5 mil metros de extensão da via e mais 400 metros que adentram o bairro até a igreja. Antes mesmo da aplicação do produto, um trabalho de estudo de drenagem das águas da chuva identificou os trechos em que foram necessárias a implantação de caixas ralos e bueiros para escoamento das águas.

O início dos trabalhos foi acompanhado de perto pelo prefeito, Arnaldinho Borgo, e equipe técnica de engenheiros. Para o gestor, o investimento vai inaugurar uma série de melhorias na Região 5: “Estamos alinhando tecnologia, agilidade e eficiência. Nossa população espera há muito tempo por melhores condições de tráfego e temos pressa em atender essa demanda das comunidades”. 

O prefeito explicou ainda que o material importado funciona como um selador no solo, inibindo a infiltração da água, evitando a erosão e minimizando os custos com a manutenção das estradas. A recuperação do trecho com a aplicação do aditivo está prevista para ser concluída em 30 dias.

“Estamos investindo menos e em menor tempo. Comprovados os benefícios do material, vamos estender essa técnica a outras vias da cidade, começando pela Região 5” – detalha Arnaldinho. Para melhoria da infraestrutura dos 4,5 quilômetros, a prefeitura de Vila Velha está investindo um total de R$ 982.896,00.

foto Adessandro Reis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*