Casagrande inaugura Creas e anuncia novos investimentos em Alegre

today10 de janeiro de 2024
remove_red_eye208

O Governo do Estado realizou, na tarde desta quarta-feira (10), a entrega das obras de reforma do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) de Alegre. O município também vai receber novos investimentos na área de infraestrutura e agricultura. O governador Renato Casagrande anunciou mais de R$ 9 milhões em obras de drenagem e contenção de taludes para adaptação às mudanças climáticas, pavimentação de estradas rurais e contratação de projetos de novas barragens.

“O ano de 2023 foi o mais quente da história e este ano não começou tão diferente. Estamos fazendo um conjunto grande de investimento para tornar os municípios mais resistentes aos eventos climáticos extremos. Todos os municípios estão sujeitos a desmoronamentos, mas Alegre talvez seja o município da região com o maior problema de bairros em área de risco. Por isso, é importante que a gente siga com um Estado organizado e um governo que funcione e atenda às necessidades das pessoas”, destacou o governador Casagrande.

Durante a solenidade, Casagrande autorizou o repasse de R$ 3,63 milhões ao Município para a realização das obras de drenagem e contenção de taludes nos bairros Bilau (Ruas Francisco Arcon e Pedro Martins) e Clérigo Moulin (Rua Celso Luis Barbosa). As duas áreas estão localizadas em regiões classificadas com alto risco geológico de deslizamentos de massa, de acordo com laudos da Defesa Civil Municipal. As intervenções vão beneficiar cerca de quatro mil pessoas.

Os recursos envolvidos são provenientes do Fundo Cidades 2023 – Adaptação às Mudanças Climáticas, gerido pela Secretaria do Governo (SEG), que tem como objetivo realizar ações de prevenção e mitigação em áreas de risco de desastres, de prevenção a eventos hidrológicos extremos, e conservação e revitalização de recursos hídricos, visando à preservação de vidas e à promoção do desenvolvimento sustentável do Estado.

“Em parceria com as gestões municipais, investimos em todas as microrregiões do Espírito Santo, fazendo com que nosso Estado se desenvolva de forma integrada e os capixabas sejam beneficiados com mais qualidade de vida. Somente em Alegre, o Governo está investindo R$ 6,43 milhões em obras e elaboração da carteira de projetos, com recursos do Fundo Cidades 2022 e 2023”, explicou a secretária de Estado do Governo, Maria Emanuela Alves Pedroso. 

O município de Alegre vai receber mais R$ 5 milhões em obras de infraestrutura rural, visando o fortalecimento da agropecuária e a melhoria das condições de tráfego em duas estradas rurais da região. Na ocasião, também foi anunciada a contratação dos projetos das barragens de Feliz Lembrança e Jerusalém. Todos esses investimentos serão realizados pela Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag).

São diversas obras que vão beneficiar o município e serão realizadas para garantir melhores condições de trabalho às pessoas que vivem no campo, segundo o secretário de Estado da Agricultura, Enio Bergoli.

“Essas ações visam a impulsionar as atividades agrícolas e movimentar a economia local, fomentando agroindústrias e outros negócios associados na região. Estradas bem conservadas também garantem mais segurança, mobilidade, incentivam o agroturismo e proporcionam mais bem-estar para a população”, ressalta.

As comunidades rurais de Feliz Lembrança e Santa Angélica receberão obras para instalar uma camada de revestimento primário com aplicação de Revsol nas vias que ligam as localidades à sede do distrito de Rive. Ao todo, serão quase 16 quilômetros de estradas que passam a contar com o novo revestimento que aumenta a resistência aos impactos da chuva e do sol. O investimento nas obras vai superar os R$ 5,1 milhões, sendo R$ 4,7 milhões destinados pela Seag, em parceria com a Prefeitura Municipal.

Prestes a se formar no curso de Tecnologia em Cafeicultura, a estudante Paloma Besteti mora com a família na comunidade de Bons Ares, às margens da estrada que liga Rive – onde estuda – à sede do distrito de Santa Angélica. Ela comemora o anúncio feito nesta quarta-feira (10).

“Agora, acredito que a estrada fique boa porque, mesmo com os reparos que são feitos, sempre dá muito barro e aparecem muitos buracos. Uma boa parte desse trecho é formada por morro, o que é perigoso porque muitas crianças saem da região para estudar em Rive”, conta.

Outro anúncio importante para os moradores de Feliz Lembrança foi a inauguração da ponte rural localizada na estrada que dá acesso à comunidade, na altura da Fazenda Esperança. Para adquirir a estrutura de concreto, o Governo do Estado destinou R$ 125,5 mil. A Prefeitura ficou responsável por reforçar as cabeceiras e o pilar central da ponte. Além desses investimentos, a sede do distrito de Anutiba passará a contar com um galpão rural a ser instalado ainda neste mês de janeiro. São R$ 180,8 mil anunciados pela Secretaria da Agricultura para a aquisição e montagem da estrutura.

Alegre apresenta bom potencial para o agroturismo e as agroindústrias familiares representam um importante papel social e econômico no desenvolvimento do meio rural. O distrito de Rive conta com uma unidade do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes), existente no município há décadas e que antes era chamada de Escola Agrotécnica Federal de Alegre (Eafa). No local, são ofertados diversos cursos relacionados às áreas agrícolas, desde o nível médio até o superior.

Mais entregas
Na área da assistência social, o Governo do Estado continua investindo de maneira inédita na melhoria da rede socioassistencial capixaba. A entrega da reforma do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), situado em Alegre, é fruto deste trabalho. O Creas é a porta de entrada do Sistema Único de Assistência Social (Suas) para os programas sociais e atua no acompanhamento das famílias da região registradas no Cadastro Único.

A reforma afetará de maneira positiva tanto no atendimento ao público quanto nas condições de trabalho das equipes técnicas. O total do investimento feito pelo Governo do Estado na obra foi de R$ 300 mil.

“As reformas e construções da rede física socioassistencial do Estado são de extrema importância, porque qualificam o trabalho executado pelo município, proporcionando o aumento da qualidade do atendimento ofertado para a população”, ressaltou a secretária em exercício de Estado de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social, Fernanda Mota.

foto Rodrigo Zaca/Governo-ES

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*