Três toneladas de pescados são apreendidas na divisa do ES com a Bahia

today11 de dezembro de 2014
remove_red_eye248

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) apreendeu, nessa terça (09) e quarta-feira (10), três toneladas de pescados, entre camarão e peixe de água doce e salgada. A operação de 24 horas foi realizada na barreira sanitária do instituto, na divisa do Estado com a Bahia, em conjunto com a Polícia Militar Ambiental.

Segundo o médico veterinário do Idaf, Gustavo Wassita, que coordenou a ação, os produtos estavam acondicionados de forma irregular e eram transportados sem a documentação sanitária oficial obrigatória, que permite verificar as condições higiênico-sanitárias dos alimentos. “Sem os documentos, não é possível comprovar se os alimentos estão aptos para o consumo, havendo risco de contaminação para possíveis consumidores”, explica Wassita.

Durante a operação, foram abordados mais de 750 veículos, sendo que cerca de 90 transportavam carga a ser inspecionada pelo Idaf (vegetal e animal e produtos e subprodutos de origem animal). Em cinco deles foram encontrados os produtos em situação irregular. Quatro eram provenientes da Bahia e fariam a comercialização na Grande Vitória. Um deles era proveniente de Vitória e a carga seria comercializada na Bahia.

Os alimentos apreendidos foram destinados à graxaria de um frigorífico em Barra de São Francisco, devidamente registrado no Serviço de Inspeção Oficial, para que seja utilizada na produção de farinha para ração animal após passarem por tratamento térmico adequado de esterilização.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*