PIÚMA | Câmara de vereadores finalmente elege nova mesa diretora para 2023/2024

today27 de julho de 2022
remove_red_eye324

Após tumultuada eleição da mesa diretora da Câmara de Piúma que ocorreu no dia 08 de junho, finalmente na noite desta quarta-feira, dia 27, foram escolhidos os novos membros que tomarão posse no primeiro dia útil de janeiro de 2023: vereador Eliezer Dias (presidente); Jorge Miranda (vice-presidente) e Bruno Freitas (secretário).

A única chapa registrada venceu por 6 votos a 5 e passarão a atuar no próximo biênio 2023/2024.

De acordo com o novo presidente eleito, Eliezer Dias, “depois de muitas indas e vindas, aconteceu hoje a eleição da mesa diretora do biênio 23/24 e quero agradecer aos colegas vereadores por estarem me dando a oportunidade de representar esta Casa, que hoje é muito bem representada pelo vereador José Carlos Araújo. Quero ser o presidente de todos e quero acabar com esse negócio de lado A e lado B e nós, 11, termos harmonia para que a população de Piúma ganhe com essa presidência”, finalizou.

A nova composição não é nada favorável ao prefeito Paulo Cola. Isso demonstra o descontentamento de vereadores que foram eleitos em seu palanque e que não estão satisfeitos com a atuação do Executivo e sua equipe.

Entenda o caso
No dia 08 de junho foi realizada a eleição para a nova mesa diretora e duas chapas estavam concorrendo. Na ocasião, os integrantes da chapa 02, composta pelos vereadores Fabrício Taylor (presidente); Fernanda Taylor (vice-presidente) e Bernadete Calenzani (secretária) venceram por 6 votos a 5.

Como o presidente do Legislativo, vereador José Carlos Araújo, não estava presente na eleição e ter pedido o cancelamento da mesma em tempo hábil por estar com problemas de saúde, ele pediu a anulação da eleição antecipada na noite de quarta-feira, 22, através de uma Portaria.

Portaria 15, de 20 de junho de 2022
De acordo com a Portaria 15, de 20 de junho, a eleição se torna inválida, sem efeito e ainda, “considerando que no período que antecedeu a eleição para nova Mesa Diretora dessa Câmara de Vereadores – 08 de junho de 2022 – o titular da Presidência da Casa encontrava-se enfermo, inclusive internado na Santa Casa de Cachoeiro de Itapemirim”.

Na Portaria consta ainda que a presidência emitiu um edital protocolizado, em tempo hábil, cancelando as eleições comprometendo-se uma nova data para convocação.

Isso fez com que o vereador Fabrício Taylor entrasse na justiça com um mandado de segurança.

Na quarta-feira, dia 20, o Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo, através do desembargador Relator, Ewerton Schwab Pinto Júnior, decidiu pela suspensão do edital de anulação/cancelamento da eleição, o que causou essa nova eleição que ocorreu na noite de hoje (27).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*